Bem vindo a portal rock press 21 anos!
  Olá Anônimo!
Busca  
vinteum: The White Stripes, White Blood Cells 2001
Quinta-feira, 3 de Abril de 2014 (17:31:33)

 

Inaugurando a coluna, um clássico 21: White Blood Cells, dos White Stripes




 

+ vinteum - clássicos do novo século

THE WHITE STRIPES, WHITE BLOOD CELLS 

(2001)


Por Marcos Nascimento


No segundo levante de rock n roll da cidade de Detroit, após o reino de bandas como Stooges e MC5 nas décadas de 60 e 70, duas figuras centrais tomavam a frente com um som cru e direto usando apenas uma guitarra e uma bateria, um duo que se apresentava como Jack e Megan White, se vestiam apenas de branco e vermelho, tiraram o nome da banda de um doce e ninguém sabia se eles eram irmãos ou se eram marido e mulher. Junto ao White Stripes surgiram bandas vizinhas como Dirtbombs e Demolition Doll Rods mas nenhuma ficaria tão conhecida quanto o duo.

Após dois álbuns bastante focados em covers de blues e canções com muito slide, Jack optou por um disco totalmente autoral e seriam essas canções que pela primeira vez proporcionariam a eles uma atenção maior fora de sua cidade natal. Gravado em menos de quatro dias após uma semana de ensaios, a pressa nesse caso faria uma amizade com a perfeição ou talvez a perfeição não fosse exatamente o alvo a ser atingido.

O disco viria a ter clássicos que a banda nunca deixou de tocar ao longo da carreira como “Hotel Yorba”, “Fell In Love With A Girl” e “Dead Leaves And Dirty Ground”. Destaques também para “Offend In Every Way” por seu belo trabalho de dedilhados na guitarra, “Now Mary” que começa com um violão para logo perder lugar pra uma guitarra que chega mostrando que não há tempo para calmaria. O disco como um todo parece a trilha de alguém que brigou na escola ou no trabalho e quis descontar toda sua frustração, raiva e desapontamento nas seis cordas.

As letras sempre possuem a visão de um menino rejeitado pelas pessoas mais descoladas do colégio que procura aceitação na paixão por uma garota tão deslocada quanto ele, em brincadeiras que só os dois poderiam entender, momentos de uma infância ainda não totalmente superada, amigos com gostos e hobbys em comum e a vida suburbana de uma maneira evocativa, inocente e mágica. Assim tentar se divertir e encontrar um lugar aparecem como único mandamento. O mundo de Jack White poderia ser um filme de Tim Burton e eu ainda não entendi porque os dois nunca trabalharam juntos, pelo menos até o momento.

 

 

Um dos fatores que podem ter levado a banda a ter tantos seguidores além das composições que parecem sempre te puxarem pela gola da camisa ou que te levam sempre ao movimento seja ele qual for, havia também um som real que parecia feito na hora, instantaneamente gravado, pronto, puro e instigante, nem as guitarras do grunge foram tão secas e não tinham a característica bluesy que faz com que tudo seja tão familiar.

E esse som de quebra ainda viria a influenciar o próprio Iggy Pop na gravação de seus discos posteriores. O garage rock novamente seria a bola da vez, bandas como Strokes iriam aparecer na sequência do mesmo ano, levando a banda a ser eleita a salvadora do rock da próxima semana numa época em que isso se tornava quase o tema de toda crítica musical e a foto que ilustra a capa do disco se tornaria corriqueira na vida de Meg e Jack. O próximo disco, Elephant, iria definitivamente leva-los ao sagrado mainstream, ter clipes que rodavam na Mtv noite e dia, críticos fazendo colunas e capas sempre com manchetes espetaculosas e fazer de Jack White o guitar hero da geração 2000 e Meg White, uma espécie de Ringo Starr, passível de críticas mas dando conta do recado além de seu carisma. Ah, ouça até o fim e ganhe “This Protector”, na qual o casal divide vocais ao som de um piano, a única em que Meg mostra sua doce voz.


Para Scott Asheton – 1949-2014

toda quinta um novo clássico!




 

 


 
 Links relacionados 
· Mais sobre Rock Press
· Notícias por admin


As notícias mais lidas sobre Rock Press:
Tudo que você queria saber sobre o U2


 Opções 

 Imprimir Imprimir


Tópicos relacionados


Desculpe, comentários não estão disponíveis para esta notícia.

Todos os Direitos Reservados Portal Rock Press ©

PHP-Nuke Copyright © 2005 by Francisco Burzi. This is free software, and you may redistribute it under the GPL. PHP-Nuke comes with absolutely no warranty, for details, see the license.