Bem vindo a portal rock press 21 anos!
  Olá Anônimo!
Busca  
filmes: Os Estados Unidos Contra John Lennon
Terça-feira, 25 de Maio de 2010 (4:41:33)


Yoko Ono disse que se John Lennon estivesse vivo esse seria seu documentário preferido, entre todos já realizados sobre sua vida. 



 



OS ESTADOS UNIDOS CONTRA JOHN LENNON

(The U.S. Vs. John Lennon, EUA, 2006)


Documentário revela nos cinemas brasileiros como o ex-beatle foi uma “ameaça” a Nixon
 
Por Jean Garnier (Parceria Mondo Bacana)


 
Nessa semana, enquanto eu lia uma reportagem sobre a série de homenagens prestadas ao saudoso jornalista Armando Nogueira, na mesma página uma outra matéria sobre novas suspeitas de desvio de dinheiro em Brasília me chamou a atenção. Logo fiz a mim mesmo uma pergunta: que tipo de legado essa classe política pensa em deixar para futuras gerações? Se é que isso passa pela cabeça deles...
 
Foi impossível eu não me lembrar novamente disso quando vi a abertura do documentário Os Estados Unidos Contra John Lennon (The U.S. Vs. John Lennon, EUA, 2006 – Lionsgate/VH1/Filmes da Mostra), no qual a imagem do ex-beatle fica em oposição, como se fosse um confronto, ao ex-presidente norte-americano Richard Nixon.
 
Com direção e roteiro de David Leaf e John Scheinfeld, o filme, que se estende do período de 1966 a 1976, pouco fala sobre os Beatles – apenas é enfatizada a passagem polêmica em que Lennon declara que a sua banda era mais popular que Jesus Cristo. Sequências mostram as pessoas juntando pilhas e pilhas de quaisquer quinquilharias que dizia respeito aos rapazes de Liverpool e tacando fogo nelas. E aqueles que pouco sabem a respeito do lado militante do vocalista irão se deliciar. Depois do casamento com a artista plástica Yoko Ono, afinal, ele se especializou em sólidos protestos provocantes contra o desperdício de vidas que acontecia no Vietnã.

Criticas à guerra somadas à injustiça racial e social do momento então se tornaram para Lennon muito mais importante do que sua banda. Por isso, imagens são entrelaçadas a relatos de Tariq Ali (escritor), Carl Bernstein (jornalista), Noam Chomsky (intelectual) e Bob Gruen (fotógrafo), além do fundador dos Panteras Negras, Bobby Seale, e a própria Yoko. Está tudo bem contado, desde o famoso bed-in for peace no Hotel Hilton de Amsterdã em 1969 (que parte da imprensa considerou oportunista) a entrevistas em diversos programas e um show em homenagem ao poeta John Sinclair, que fora preso injustamente por um motivo banal. Como o FBI achava Lennon suspeito, Nixon viu aí uma grande oportunidade de ganhar a reeleição para presidente e camuflar o massacre que seu exército estava levando no Vietnã. A solução para melhorar a popularidade foi deportar Lennon sobre a desculpa “o problema não é a sua música, mas os seus amigos”.
 
Infelizmente, vendo o passado notamos que pouca coisa mudou. Censuras à liberdade de expressão, o abuso do poder de governantes e os horrores da guerra sem sentido ainda são atuais. A diferença talvez seja a ausência de artistas politizados e realmente engajados como Lennon. Possivelmente hoje tenhamos no máximo algo que fica há centenas de quilômetros, como a boa vontade de Bono Vox e seu mainstream político.
 
Voltando à pergunta do início da resenha, o ícone, mesmo quase três décadas depois de sua morte, tem músicas ainda tocadas através do universo e sua memória ainda é uma de energia que por muito tempo ofuscará a história do rock. Enquanto isso, as proezas de Nixon – que renunciou em 1974 depois do escândalo Watergate – por vezes são temas de filmes (como o recente Frost/ Nixon) e també motivo de piada em programas como os da série Futurama. Ou então, ele é constantemente lembrado no topo da lista dos piores presidentes dos Estados Unidos – trono este, aliás, que George W. Bush fez tanta força para roubar dele recentemente.



 
 Links relacionados 
· Mais sobre Rock Press
· Notícias por claudia


As notícias mais lidas sobre Rock Press:
Tudo que você queria saber sobre o U2


 Opções 

 Imprimir Imprimir


Tópicos relacionados


Desculpe, comentários não estão disponíveis para esta notícia.

Todos os Direitos Reservados Portal Rock Press ©

PHP-Nuke Copyright © 2005 by Francisco Burzi. This is free software, and you may redistribute it under the GPL. PHP-Nuke comes with absolutely no warranty, for details, see the license.