Bem vindo a portal rock press 21 anos!
  Olá Anônimo!
Busca  
rip: Alex Chilton , Big Star
Quinta-feira, 18 de Março de 2010 (14:48:31)


  • Morre Alex Chilton, cantor e compositor do Big Star, aos 59 anos, de infarte, segundo as noticias até o momento. Além do Big Star e outras bandas, o skatista homenageado pelo Replacements foi um dos mais inspirados de sua geração. 


 

 

If he was from Venus, would he feed us with a spoon?
If he was from Mars, wouldn't that be cool?
Standing right on campus, would he stamp us in a file?
Hangin' down in Memphis all the while.

Children by the million sing for Alex Chilton when he comes 'round
They sing "I'm in love. What's that song?
I'm in love with ...that song."

Cerebral rape and pillage in a village of his choice.
Invisible man who can sing in a visible voice.
Feeling like a hundred bucks, exchanging good lucks face to face.
Checkin' his stash by the trash at St. Mark's place.

I never travel far, without a little Big Star

Runnin' 'round the house, Mickey Mouse and the
Tarot cards.
Falling asleep with a flop pop video on.
If he was from Venus, would he meet us on the moon?
If he died in Memphis, then that'd be cool, babe.

("Alex Chilton, pelos Replacements)

 

MORRE ALEX CHILTON

I never travel far, without a little Big Star

 

De acordo com o jornal de Memphis, The Commercial Appeal, Alex Chilton, cujo trabalho atravessou uma gama eclética desde as músicas soul do Box Tops às múltiplas encarnações de sua banda pop Big Star, faleceu aos 59 anos. A causa da morte aparente foi um ataque cardíaco.

Seu companheiro da Big Star, Jody Stephens, confirmou a notícia na noite de quarta (17). "Alex faleceu há algumas horas", disse Stephens de Austin, Texas, onde a banda tocaria sábado no South By Southwest Festival. "Eu não tenho muitos de detalhes, mas suspeito que foi ataque cardíaco".

A mega influente banda de Chilton estava prestes a ser celebrada no South by Southwest Music Festival, em Austin, participando de um painel e de um showcase no sábado. A banda estava experimentando a mais recente em uma série de ressurgências na carreira, graças aos recentes relançamentos de seus álbuns célebres da década de 70 no box set “Keep an Eye on the Sky.”

Nascido William Alexander Chilton e criado em uma família musical, Alex experimentou seu primeiro gosto pelo estrelato aos 16 anos, como integrante do Box Tops. Seus vocais surpreendentemente profundos, sensíveis e maduros impulsionaram o single de 1967 "The Letter" para o número 1 da parada americana e de muitos outros países, e seu primeiro grupo passou a pontuar vários outros sucessos, incluindo "Cry Like a Baby "(1968) e  " Soul Deep " (1969).

Quando o Box Tops se separou em 1970, Chilton se sentiu cansado e amargo em relação a indústria da música, que achou havia explorado o grupo. Entretanto ele não perdeu a alegria de tocar e, em 1971, se uniu a um grupo de músicos de Memphis - Stephens, colega guitarrista, o vocalista Chris Bell e o baixista Andy Hummel – e o Big Star nasceu como uma banda de som distinto baseado na alma sulista e guitarras e harmonias irresistíveis da British Invasion.

Apesar dos dois discos brilhantes, cujos títulos evidenciaram o senso de humor sarcástico de Chilton e seu ceticismo arraigado sobre a indústria da música - "# 1 Record" (1972) e "Radio City" (1974) - e do abraço caloroso de críticos de rock pioneiros como Lester Bangs e Cameron Crowe, a gravadora da banda, Ardent Records, foi incapaz de colocar o grupo no rádio e se esforçou para encontrar um público durante sua encarnação original.


PRIMAL SCREAM: BOBBY GILLESPIE HOMENAGEIA ALEX CHILTON

O líder do Primal Scream, Bobby Gillespie, prestou tributo ao vocalista e guitarrista do Big Star, Alex Chilton, que faleceu aos 59 anos.

Gillespie descreveu Chilton, que iniciou a carreira com o grupo The Box Tops e produziu os punks pioneiros americanos The Cramps, como um "gênio do rock 'n' roll". Disse ainda que sua carreira foi "tão boa quanto a do The Byrds ou The Beatles", à BBC 6 Music.

"Quando nós começamos o Primal Scream, Alex era uma grande influência para nós, e ainda é. Mesmo tendo somente produzido o primeiro álbum do Cramps, ele ainda sim se tornaria um dos meus heróis do rock. Mas ele fez muito mais do que isso.

"Ele fez tantos álbum excelentes, e eram álbum loucos de rock. Mas também eram discos de arte, lindos, tristes e alegres. O que estou tentando dizer é que Alex Chilton era um dos melhores."

REM, Wilco, Yo La Tengo e Teenage Fanclub são outras bandas que reconhecem a influência de Chilton.

O herói cult faleceu em um hospital em Nova Orleans, após enfrentar problemas cardíacos, revelou o companheiro da banda Big Star, Jody Stephens.


+ Leia mais sobre o BIG STAR


 


 
 Links relacionados 
· Mais sobre Rock Press
· Notícias por claudia


As notícias mais lidas sobre Rock Press:
Tudo que você queria saber sobre o U2


 Opções 

 Imprimir Imprimir


Tópicos relacionados


Desculpe, comentários não estão disponíveis para esta notícia.

Todos os Direitos Reservados Portal Rock Press ©

PHP-Nuke Copyright © 2005 by Francisco Burzi. This is free software, and you may redistribute it under the GPL. PHP-Nuke comes with absolutely no warranty, for details, see the license.