Bem vindo a portal rock press 21 anos!
  Olá Anônimo!
Busca  
playlist: MC5
Quarta-feira, 4 de Janeiro de 2006 (16:23:57)

 

Michael Davis, baixista do MC5, poderia escolher mais de cem músicas para 1 Giga, mas conteve o afã de exceder-se na tarefa simbólica. O eterno baterista da banda, Dennis Thompson também fez sua lista e dá a dica: “Você vai encontrar centenas de grandes artistas se começar a caçar agora.”



 

Por Carlos Lopes

 
 
+ playlist

MC5
Michael Davis

 
(foto Theresa K.)


“Quando tinha 14 anos, meu pai comprou um daqueles consoles da Motorola que tinha TV/rádio/gravador. O toca-discos ficava virado de frente para mim sobre uma base. Você podia colocar o disco enquanto o alto-falante estava posicionado para baixo. Eu deitava no chão, embaixo do alto-falante e conseguia ficar o mais próximo possível do som.”

“Little Star”,
de um grupo vocal chamado The Elegants. É uma gravação que permanece até hoje como uma das minhas favoritas de todos os tempos. Já devo ter escutado essa canção mais de um milhão de vezes.”

“O primeiro compacto de Stevie Wonder, ‘Contract On Love’. O maior baixista da Motown, Jamerson tocou nessa canção, é incrível.”

“Alguns compactos do Dion and The Belmonts, simplesmente matadores. Em especial um antigo clássico deles chamado Stardust’.”

“Nos anos 60, os Beatles escreveram muitas canções incríveis, que podem ser consideradas fundamentais, talvez as melhores escritas em todos os tempos.”

“Atualmente, creio que o Weezer é o melhor. Duas de suas canções, ‘Island In The Sun’, e outra chamada ‘Girlfriend’, são exemplos perfeitos.”

“Não posso deixar de fora Brian Wilson, que também escreveu canções fabulosas. É difícil escolher uma, mas tudo bem, que tal ‘Be True To Your School’?”

 
 
MC5
Dennis Thompson

Apesar de nunca ter parado de tocar, estando em constante atividade com sua bateria pelos estúdios, o atual retorno do MC5 reacendeu a curiosidade sobre o quinteto, e também a nossa própria sobre o seu gosto pessoal. Então vamos lá, seu Dennis Tomich (para os íntimos), fala tudo!
 
 
“My Generation” - The Who

“Quando escutei essa música pela primeira vez estava dirigindo pela freeway, e acabei sendo tirado da estrada pelo impacto. Fiquei maravilhado! Essa canção mudou completamente a forma como eu percebia as fronteiras do poder musical do rock! Não há nada igual!”
 

“I Can’t Explain” - The Who


“Até hoje não consigo explicar!”
 

“Manic Depression:” - Jimi Hendrix


“O que posso dizer? Mitch Mitchell mostra a todos os bateristas do mundo como imaginação e um pouco de be-bop podem criar uma “fabu-alto-losa” e única composição. Muitos bateristas de hoje deveriam escutá-lo e estudá-lo!”
 

“All Around The Watchtower” - Jimi Hendrix
 
“Jimi é simplesmente genial nessa faixa! Um verdadeiro ‘melhor de todos os tempos’ para mim.”


“Like A Rolling Stone” - Bob Dylan

“Um hino pessoal. Sua importância fica cada vez mais evidente conforme o tempo passa…”
 

“I Get Around” - The Beach Boys


“Harmonia, harmonia, doce harmonia.”
 

“Jumpin’ Jack Flash” - Rolling Stones


“Uma das melhores dos Stones no meu livrinho.”
 

“Street Fightin’ Man” - Rolling Stones


“Se você tocar essa música no juke box, eu estarei lá tocando junto…”
 

“Talk Talk” - The Music Machine


“Precisão personificada. Mais ‘precisa’ do que uma Levi’s de adolescente. O arranjo é matador. Podem checar.”
 

“Afro Blue” - John Coltrane


“O John Coltrane Quartet tocou essa, que é um dos esplendores da música. Essa canção chega muito perto do máximo da força!”
 

“The Promise” - John Coltrane


“Tenho dito!”
 

“Skunk” - The Mc5


“Uma das maiores músicas de rock’n’roll feitas por um conjunto do qual tive o privilégio de participar... Que Deus abençoe Fred Smith e Rob Tyner.”
 

“Shaft” - Isaac Hayes


“Grande canção, não é? Escutávamos essa saltando na piscina na Alemanha, em 1971.”
 

“Wild Thing” - The Troggs

“Tão simples e sensual quanto se possa conceber.”
 

“Oh Carol”/”Around And Around”/”Johnny B. Goode” - Chuck Berry


“O homem-guitarra mostra como se faz! Chuck foi uma fantástica influência para mim e para todos os músicos do MC5.”
 

“It’s A Man’s World” - James Brown


“James é o ‘pai do soul’!”


“Dominance And Submission” - Blue Öyster Cult


“Grande groove, grande letra, grande banda. Buck Dharma detona…”
 

“Get Ready”/”My Girl”/”And Twenty More!” - The Temptations


“O que pode ser dito sobre eles? É o melhor do som da Motown!”
 

“Bernadette”/ e mais umas dez! - The Four Tops


“Tenho dito de novo!”
 

“Can I Get A Witness”/ e mais umas dez! - Marvin Gaye


“A música de Marvin sempre esteve ao meu lado nos melhores e piores momentos. Ainda está e sempre estará.”
 

“Birds Of Fire” - Mahavishnu Orchestra


“Essa foi uma das músicas que verdadeiramente abriu meus olhos para as características da avant garde. John McLaughlin é autodidata e este fera aqui também.”
 

“City Slang” - Sonic Rendevous Band


“Não tenho dúvidas de que Fred Smith meteu as unhas em mim com esse grande hino.”
 

“Search And Destroy”/”Raw Power” - The Stooges


“Simplicidade ao máximo. Coloque a ficha no jukebox, baby!”
 

“I Won’t Back Down” - Tom Petty


“Eu amo milhões de músicas do Tom Petty, mas essa para mim é a melhor.”

“Quadrant 4” - Billy Cobham


“Grande baterista! Absolutamente perfeito na dinâmica e sabe como ninguém controlar o caos. Escute agora!!!”

"E muitas mais que deveriam constar aqui!!!"


Originalmente publicado em RP#53
 
 

 
 Links relacionados 
· Mais sobre Rock Press
· Notícias por admin


As notícias mais lidas sobre Rock Press:
Tudo que você queria saber sobre o U2


 Opções 

 Imprimir Imprimir


Tópicos relacionados



Todos os Direitos Reservados Portal Rock Press ©

PHP-Nuke Copyright © 2005 by Francisco Burzi. This is free software, and you may redistribute it under the GPL. PHP-Nuke comes with absolutely no warranty, for details, see the license.